TV Portal

Dia Nacional da Conservação do Solo: Ematerce orienta práticas conservacionistas aos agricultores assistidos


calendário assinala, neste 15 de abril de 2019, o Dia Nacional da Conservação do Solo. A Ematerce (Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Ceará) tem muito a ver com esta data, haja vista que orienta, por ano, sem repetição, mais de 140 mil agricultores familiares, seu público-alvo, a executar práticas conservacionistas, em suas propriedades rurais, como produtores de gêneros alimentícios para consumo humano e animal.
Práticas conservacionistas são utilizadas nos denominados Quintais Produtivos.
Dentre as práticas conservacionistas, a Ematerce, por intermédio de seus extensionistas, que assistem os produtores rurais, em 182 municípios cearenses, dos 184 existentes, recomenda-lhes, dentre as maisutilizadas, adubação mineral, plantio em nível, adubação orgânica, pastagem, reflorestamento, adubação verde, cobertura morta, rotação de culturas, calagem, controle de queimadas, cobertura morta, pastagens, cordões de vegetação permanente, cultivo mínimo e plantio direto, além de não abusar do uso de agrotóxicos nas lavouras.
Obediência ao espaçamento correto entre fileiras no plantio.
Saliente-se que esta data foi criada, objetivando desenvolver um pensamento crítico, na população, sobre a importância da correta utilização do solo, como um recurso natural, para a produção de alimentos, destinados ao consumo humano e animal.
Para especialistas e estudiosos do assunto, qualquer tipo de deposição, disposição, descarga, infiltração, acumulação, injeção ou enterramento de substâncias e produtos poluentes, em estado líquido, gasoso ou sólido, nos solos e subsolos, deve ser combatido.
Produção com qualidade em solo conservado.
OFICIALIZAÇÃO DA DATA
No Brasil, o Dia Nacional da Conversação do Solo foi oficializado pelo Decreto-Lei nº 7.876, de 13 de novembro de 1989. criação desta data foi uma iniciativa do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). A escolha do dia 15 de abril trata-se de uma homenagem ao conservacionista norte-americano Hugh Hammond Bennett (1881 – 1960), considerado o “pai da conservação do solo” nos Estados Unidos e um modelo para todas as outras nações. 
Fonte: Ematerce