TV Portal

Recuperação de faltas: Sindicato APEOC protocola ofício na SEDUC

Recuperação de faltas: Sindicato APEOC protocola ofício na SEDUC



O Sindicato APEOC, representado pelo presidente em exercício, Reginaldo Pinheiro e o secretário-geral, Helano Maia, protocolou ofício na SEDUC cobrando uma solução para problemas que vêm ocorrendo na reposição de aulas. Os professores Anizio Melo e Mickaelton Carantino também estiveram presentes. O objetivo é garantir a recuperação das faltas para que os professores não sejam prejudicados na Promoção sem Titulação.
No ofício, o Sindicato APEOC faz as seguintes cobranças à SEDUC:
  1. Paralisações e/ou greves pontuais
Que a SEDUC aceite a recuperação das faltas dos servidores em caso de paralisações ou greves pontuais. Nos anos de 2011 e 2016, o entendimento da secretaria foi pela recuperação das faltas, para todos os servidores, independente da lotação. Isso reconhece a importância e a legitimidade dos servidores públicos engajados em pautas democráticas.
  1. Registro das reposições (planejamento)
Outro problema encontrado pelo Sindicato APEOC são docentes que recuperaram suas faltas de planejamento, mas o sistema online da SEDUC não registrava as reposições nos anos de 2016 e 2017. Os registros este ano, de acordo com a Portaria nº 1451/2017, estão sendo feitos. Queremos que o sistema faça o registro como vem ocorrendo em 2018.
  1. Possibilidade de reposição (planejamento)
O sindicato requer ainda que, mesmo em caráter excepcional, seja aceita a reposição das horas referentes ao planejamento dos professores que foram impedidos de repor em 2016 e 2017.
A APEOC solicitou no ofício uma audiência com o secretário da Educação para tratar da pauta.
Sobre as demais pautas, como Ampliação Definitiva, Concurso Público e Novo ISSEC, a diretoria do sindicato irá à SEDUC na próxima quinta-feira (21), às 15h, na tentativa de conversar com o secretário para cobrar a solução para esses impasses.
Sindicato APEOC, na luta por uma Educação de qualidade e profissionais da Educação valorizados.
Assessoria de Comunicação do Sindicato APEOC