TV Portal

Quixeramobim - Forças de segurança prendem suspeito de participar das mortes de quatro pessoas .

Em menos de 24 horas após as mortes de quatro pessoas em Quixeramobim, uma força-tarefa formada por policiais civis e militares de Fortaleza e do Interior Sul prendeu um suspeito do crime, nesta sexta-feira (29), com duas armas e mais de 60 munições. Equipes da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), por meio da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Departamento de Polícia do Interior Sul (DPI Sul), Departamento de Inteligência Policial (DIP) e da Delegacia Municipal de Quixeramobim, conduzem as diligências no intuito de capturar os autores do crime e elucidar o fato. A Polícia Militar do Ceará (PMCE) mobilizou equipes do Comando Tático Rural (Cotar) do Batalhão de Choque (BPChoque) e do Batalhão de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) para reforçar o policiamento na cidade e colaborar nas buscas. Uma aeronave da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) também foi deslocada para a região para auxiliar nos trabalhos policiais.
A Polícia Civil aprofunda as investigações no intuito de chegar ao paradeiro de outros suspeitos, já identificados, que participaram da ação criminosa. Os crimes aconteceram, na noite dessa quinta-feira (28), no bairro Conjunto Esperança, em Quixeramobim, Área Integrada de Segurança 20 (AIS 20). Informações preliminares apontam que  as (04) vítimas estavam em uma residência, quando foram surpreendidas por indivíduos armados que chegaram ao local em motos e carros.
Peritos criminais da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) da Capital foram deslocados para auxiliar nos trabalhos de identificação e de coleta de provas para a investigação policial. 
As vítimas foram identificadas por Antônia Damila Alves Pereira (25), ; Francisco Neto Lopes de Sousa (22),  Débora Mayra do Nascimento de Souza (16),  Antônia Heyla Ferreira Galdino (20),  Um homem de 52 anos foi baleado e socorrido por populares até uma unidade de saúde do município,02 das vitimas tinha antecedentes criminais .
As buscas pelos suspeitos seguem em andamento. Mais detalhes sobre os trabalhos policiais e sobre a prisão do suspeito serão divulgados em momento oportuno, para não comprometer as ações policiais. A população pode contribuir com as investigações repassando informações que possam ajudar na elucidação do caso. As denúncias podem ser feitas pelo número 181, o Disque Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). O sigilo é garantido.
Fonte :Sertão alerta

Ultimas Notícias