TV Portal

Fim de semana violento deixa 48 pessoas assassinadas no Ceará, entre elas, sete mulheres

Cláudia e a filha Letícia, foram achadas mortas no bairro João XXII. Thalyta: morta em Horizonte
Quarenta e oito pessoas foram assassinadas no Ceará no fim de semana. Entre a sexta-feira (15) e o domingo (17), 23 pessoas foram mortas Grande Fortaleza, sendo 12 na Capital e outras 11 na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Já o interior do estado foi ainda mais violento, com o registro de 25 homicídios, sendo 17 na Região Sul e outros oito na Região Norte. Entre as vítimas da criminalidade estão sete mulheres, incluindo uma idosa de 91 anos e uma adolescente de 12.
Os 12 assassinatos em Fortaleza ocorreram nos seguintes bairros: Floresta, Granja Portugal, Bom Jardim, Mucuripe (Via Expressa), João XXIII (duplo), Bonsucesso, Carlito Pamplona, Parque Santa Maria, Parque Iracema, Pici e Genibaú.
Na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), foram registrados 11 assassinatos e achados de cadáveres nos seguintes Municípios: Caucaia (4 crimes), Maracanaú (2), Horizonte (2), Itaitinga (2) e um em Pacatuba.
No Interior Norte do estado, as autoridades registraram oito homicídios nos seguintes Municípios: Canindé (2 casos), Monsenhor Tabosa, Santana do Acaraú, Boa Viagem, Barreira, Ipu e Jijoca de Jericoacoara.
Já no Interior Sul foi registrado o maior índice de Crimes Violentos, Letais e Intencionais (CVLIs) no período entre a sexta-feira e o domingo. No total, 17 pessoas foram assassinadas nos seguintes Municípios: Juazeiro do Norte (3 casos), Quixeramobim (2), Saboeiro (2), Crato (2), Quixadá, Tabuleiro do Norte, Ibicuitinga, Senador Pompeu, Iguatu, Russas, Tauá e Pedra Branca.
Mulheres assassinadas
Sete mulheres foram assassinadas no fim de semana, sendo três em Fortaleza (nos bairros João XXIII/um duplo e Parque Iracema), duas na Região Metropolitana de Fortaleza (em Caucaia e Horizonte) e duas no Interior (nos Municípios de Tauá e Pedra Branca).
Em Fortaleza, os corpos de mãe e filha foram encontrados na residência em que elas moravam, no bairro João XXIII. As vítimas foram identificadas como Cláudia do Nascimento Fernandes, 30 anos; e sua filha, a adolescente Letícia do Nascimento Fernandes, 12. As duas teriam sido mortas por asfixia na última quinta-feira (14), porém, os corpos só foram localizados no sábado (16). O companheiro de Cláudia é o suspeito do crime e está foragido.
Na cidade de Tauá, na Região dos Inhamuns (a 337Km de Fortaleza), foi localizado o corpo da idosa Francisca Aurora do Espírito Santo, 91 anos. Ela foi morta a pauladas e sofreu ainda abuso sexual.
Em Horizonte, uma mulher foi morta quando amamentava a filha. A jovem Thallyta Mendes de Lima, 18 anos, foi executada a tiros, na porta de casa, no bairro Dourados. O crime ocorreu na manhã da última sexta-feira (15).
Morte em confronto
Também foi registrada uma morte por intervenção policial, fato ocorrido na cidade de Quixeramobim (a 301Km de Fortaleza), no Sertão Central, na manhã do último sábado.

Conteúdo Blog do Jornalista Fernando Ribeiro