TV Portal

Ceará - Açude Batente, no município de Ocara, é o 19º a sangrar este ano no estado

O Açude Batente, em Ocara, começou a sangrar no fim da tarde desta última terça-feira (24).
Chegou a 19 o número de açudes públicos sangrando no Ceará, monitorados pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh). O último deles, confirmado oficialmente nesta quarta-feira (25), foi o Batente, no município de Ocara. Com capacidade para 33,5 milhões de m³, o reservatório começou a transbordar ainda no fim da tarde da terça-feira (24). Minutos depois, as imagens começaram a se espalhar nas redes sociais. A informação é do Diário do Nordeste.

Segundo os gráficos da Cogerh, no fim de março passado, o Batente estava apenas com 6,42% do seu volume. Com as chuvas de abril, a barragem situada na localidade de Córrego do Facó, distante cerca de 20Km da sede do Município, voltou a acumular água vertiginosamente. No dia 18 deste mês, já havia acumulado 39,59%. No dia seguinte (19), já estava com 66,47%. No dia 20 saltou para 87,6%. Quatro dias depois atingiu a sua cota máxima.

Os outros açudes sangrando no Ceará são: Acaraú Mirim (Massapê), Angicos (Coreaú), Barragem do Batalhão (Crateús), Caldeirões (Saboeiro), Cocó (Fortaleza), Diamantino II (Marco), Gameleira (Itapipoca), Itapajé (Itapajé), Itaúna (Granja), Maranguapinho (Maranguape), Quandú Itapipoca), São Pedro Timbaúba (Miraíma), São José I (Boa Viagem), São Vicente Santana do Acaraú), Tijuquinha (Baturité), Tucunduba (Senador Sá) e Várzea da Volta (Moraújo).

O Colina ( Quiterianópolis), o Itapebussu (Maraguape) e o Germinal (Palmácia), já sangraram este ano. Neste último a água ainda corria pela sua parede até o dia 13 passado.



Barragem do Germinal, em Palmácia, é uma das que atingiram cota máxima neste mês de abril

Neste mês já choveu 370,5 milímetros em Ocara. São 80,4% acima do normal. A média histórica é 205,4mm. No mês passado, as precipitações haviam sido 12,4% abaixo do normal, com apenas 169mm no período. Os dados são da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), que no intervalo das 7h da terça-feira para as 7h desta quarta, registrou chuvas em apenas 25 municípios, a maior delas em Itatira, no Centro do Estado, com 47mm.