TV Portal

BPChoque/Cotar da PM desarticula no Sertão Central grupo especializado em atacar instituições financeiras


Três homens foram presos durante uma operação realizada por policiais do Comando Tático Rural (Cotar) do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque) da Polícia Militar do Ceará (PMCE), em Quixadá, Área Integrada de Segurança 20 (AIS 20). O trio é suspeito de integrar uma quadrilha especializada em atacar instituições financeiras. Durante a ação, que começou na noite de quarta-feira (14) e se estendeu até a manhã dessa quinta-feira (15), foram apreendidas armas de fogo, três delas de grosso calibre, munições, explosivos e outros materiais que eram utilizados pelo grupo para a prática criminosa.

“Três presos e cinco armas apreendidas, sendo três fuzis, uma pistola e um revólver. Tudo parte dessa ação, importante, que terminou com um resultado positivo contra essa quadrilha, que é suspeita de atacar até 15 agências bancárias e cinco assaltos a carros-fortes. Cabe agora à Delegacia de Roubos e Furtos prosseguir com as investigações, de forma a comprovar a participação deles nesses crimes”, destacou o delegado André Costa, secretário da Segurança do Ceará.




Morto em confronto com a Polícia

Além dos três homens presos em Quixadá, um quarto integrante do grupo criminoso foi localizado, já na cidade de Banabuiú, O mesmo estava na localidade Barra do Sitiá, quando foi encontrado por equipes do Cotar. Contra ele existia um mandado de prisão em aberto. Alexandre efetuou disparos contra a composição policial, que revidou, atingindo o suspeito. Ele respondia a três homicídios, uma tentativa de homicídio, três portes ilegais de arma de fogo, roubo e receptação.

O homem chegou a ser socorrido para uma unidade de saúde, mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. Com ele, foram apreendidos uma pistola 9 mm e 47 munições do mesmo calibre 9 mm, além de uma caminhonete Hillux, de cor preta e placas MWZ-5130. Material apreendido com o suspeito foi apresentado na Delegacia Regional de Quixadá.

Fonte: SSPDS