TV Portal

Pedra Branca enfrenta o pior colapso hídrico da sua história com ações emergenciais



 
Enfrentando a pior crise hídrica da sua história a administração municipal de Pedra Branca, no Centro do Estado, está encontrando na perfuração de poços profundos a salvação para assistência à população, tanto na sede como na zona rural. O distrito de Mineirolândia, distante 20Km do Centro da cidade, é um exemplo. A localidade será abastecida pelos poços perfurados na região.
De acordo com a prefeitura, a excelente vazão dos poços do Sítio Volta possibilita a instalação da rede de abastecimento, com tubos de 100mm e 75mm. O serviço será realizado através de parceria entre a Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh) e o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Pedra Branca. A montagem da rede terá início nesta terça-feira (9), acrescentou o SAAE.
Noutras duas comunidades rurais, Olho D’água e Situação, um poço profundo com vazão de 12 mil litros por horapossibilitou a ligação da adutora dessas localidades que há mais de ano dependia do abastecimento emergencial da Operação Pipa. O serviço foi realizado pelo SAAE, aliviando o sofrimento dos moradores, com água nas torneiras das suas casas.
A mesma estratégia vem sendo utilizada na cidade onde está concentrada a maioria dos 42 mil habitantes do Município. Em maio, um poço perfurado no bairro Riso do Prado, com vazão de 14,5 mil litros por hora, passou a dar apoio a três rotas da Operação Pipa, possibilitando maior distribuição de água para a população.

> 39 municípios do Ceará têm água garantida somente até fevereiro

Pedra Branca é uma das cidades do Ceará em situação hídrica de criticidade alta. Outras 39 só tem água até fevereiro. O levantamento foi divulgado na última sexta-feira (5) pelo Grupo de Contingência formado por representantes de várias instituições relacionada ao setor hídrico do Estado.

Conteúdo:  Diário Sertão Central,  blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité.