TV Portal

Horizonte é campeão da Copa do Brasil de futsal



Horizonte venceu o Tubarão-PA, no Ginásio Domingão, e se sagrou campeão da Copa do Brasil de futsal (Foto: JL Rosa/Agência Diário)

Com um ginásio lotado, o Horizonte passou pelo Tubarão-PA e se tornou vencedor da Copa do Brasil de futsal. No tempo normal, o time cearense bateu os visitantes por 3 a 1, levando o jogo para a prorrogação. O motivo é que a equipe paraense havia derrotado o Galo do Tabuleiro, no jogo de ida, por 3 a 2. E no tempo extra, os donos da casa voltaram a vencer, agora por 2 a 1, e garantindo a taça para a cidade da Região Metropolitana de Fortaleza. Com a conquista, o time cearense vai jogar a Superliga de futsal, que dá vaga na Libertadores da modalidade.

Na partida, o Galo do Tabuleiro começou arrasador. Precisava do resultado de vitória e não podia perder tempo. Do outro lado, a proposta dos paraenses era administrar o resultado que tinham a seu favor. Mas, aos cinco minutos, Son mandou chute preciso para abrir o marcador do Ginásio Domingão, em Horizonte. O segundo gol veio 10 minutos depois, aos 15. Depois, o time cearense ainda ampliou para 3 a 0. E o primeiro tempo foi encerrado com plena vantagem horizontina.

Na segunda etapa, mais emoção estava garantida. O Tubarão, com situação complicada, conseguiu achar um gol e diminuiu a vantagem do Galo. Alysson, na reta final do tempo regulamentar, recebeu bola e fez o gol do time paraense. Mas isso não abalou a equipe da casa, que tinha em Son, o seu melhor jogador e craque da partida.
Prorrogação decisiva
Assim como no início da partida, o Horizonte não mediu esforços para tentar sair na frente logo. E foi coroado pelo esforço quando Rafinha não deu chances ao goleiro adversário e abriu o marcador. Bem melhor e com a vibração da torcida, o Galo encerou o primeiro tempo bem.
Na volta para a segunda etapa, as emoções mais fortes estavam guardadas. Faltando pouco para o fim, o Tubarão-PA achou o gol de empate, o que levaria a decisão para os pênaltis. Mas, quando o jogo parecia se encaminhar para este fim, o Horizonte arrancou um pênalti, após jogada disputada pela esquerda. Os jogadores da equipe paraense reclamaram muito, mas não houve jeito. Son, o herói dos donos da casa, bateu e converteu. Daí em diante, foi só adminstrar e comemorar o título 
Fonte:G1 CE