TV Portal

Pedra Branca um ano sem agência do Banco do Brasil. O que mudou?


Foto: Arquivo Portal

Era início daquele domingo 31 de julho, por volta das 00:35hs, quando  a cidade de Pedra Branca, foi invadida por um grupo de criminosos, as rajadas de balas e o barulho das explosões levaram  terror e pânico a quem se encontrava nas proximidades da agência do Banco do Brasil.
Populares foram feitos de reféns, enquanto o cofre da agência  era explodido.
Dias depois a policia Militar de Boa Viagem encontra o cofre da agencia na zona rural daquele município.
Foto: Arquivo FJNoticias



Após ação que deixou a agência completamente destruída, o grupo fugiu em automóveis levando alguns reféns, que foram liberados logo em seguida.
Foto: Arquivo Portal

Um ano já se passou, e os pedrabranqueses seguem sem atendimento da agência do Branco do Brasil, que corre risco eminente  de ser fechado definitivamente. 
No prédio onde funcionava a agência localizado no centro da cidade,  nada mudou, nenhuma obra deve início. 

Reveja nossa reportagem na TV Portal: 


Com o passar do tempo a situação se agravou em Pedra Branca, meses depois a agência dos correios foi arrombada, encerrando assim o atendimento do Banco do Brasil que ali funcionava.

Já no dia 02 de março deste ano, o banco do  Bradesco foi destruído em mais um ataque.
Hoje, a população segue sem atendimento  das agências, somente os caixas expressos instalados em comércios  vem atendendo o público, mesmo que de forma  limitada e precária com as dificuldade de realizar saques e muitas vezes de depositar ou pagar boletos.
As cidades vizinhas tem sido a solução, o que tem deixado o comércio local bastante vazio.
E assim segue a vida dos pedrabranquenses, um ano após o ataque do banco do Brasil 
Portal de Noticia CE