Operação do COTAR compre mandados de prisões e apreende armas na zona rural de Pedra Branca

Foto:  Divulgção Nas primeiras horas desta terça-feira (21), O Comando Tático Rural (Cortar), realizou uma operação policial nas regi...

Profissionais de segurança participam do I Curso de Operações Táticas Especiais da Polícia Civil do Ceará


Profissionais de segurança pública de vários estados do Brasil participam da capacitação

A Academia Estadual de Segurança Pública do Ceará (Aesp/CE), em parceria com o Departamento de Polícia Especializada (DPE) e Divisão Antissequestro (DAS) da Polícia Civil do Ceará, começou hoje (05), o I Curso de Operações Táticas Especiais – Cote. A capacitação irá habilitar seus participantes para atuarem em missões policiais onde seja necessária a aplicação da Doutrina de Operações Especiais, como em situações de investigação de crimes de sequestro; invasão de cativeiros; resgate de reféns; localização e captura de criminosos fortemente armados; combate ao crime organizado e outras ações especiais. Tudo isso de forma eficiente e eficaz, dentro do ordenamento jurídico, com técnicas padronizadas e atualizadas.
Durante a solenidade de abertura do curso, o Secretário da Segurança Pública e Defesa Social do Estado do Ceará (SSPDS), André Costa, destacou a importância do treinamento operacional para a melhoria da segurança pública do Estado. “Eu acho que o momento é da gente ter mais cursos mesmo, cursos de tiro, de treinamento tático-operacional. Essa formação é para quando naqueles momentos mais difíceis, mais críticos, que a gente possa ter policiais civis, militares e outros profissionais, capacitados, bem treinados, aptos... A gente precisa realmente ter dentro da nossa secretaria policiais com essa aptidão, com esse treinamento e com essa coragem”, enfatizou o Secretário.



Segundo o Diretor da Divisão Antissequestro (DAS/PCCE), Delegado Antônio Pastor – que também é coordenador o curso – a qualificação era um anseio antigo da instituição e reforçará o trabalho da Unidade Tático Operacional (UTO) da Polícia Civil cearense. “O curso foi muito procurado aqui no Estado, tivemos 129 inscritos e ao final selecionamos 46 policiais que estão iniciando hoje o Cote. Nosso objetivo principal é capacitar os policiais civis locais na doutrina de operações táticas especiais, que é uma doutrina que prepara o policial para trabalhar em qualquer tipo de terreno, qualquer tipo de situação, qualquer tipo de crime que ocorra no Estado do Ceará”, ressaltou o delegado.
Ao todo, 46 profissionais participam do curso, incluindo policiais civis dos estados do Ceará, Piauí, Bahia, Paraíba, Maranhão, Acre, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Além de policiais militares, servidores da Perícia Forense, policiais federais, policiais rodoviários federais e agentes penitenciários.



O treinamento, de 384 horas/ aulas, é intensivo e tem caráter multidisplinar, envolvendo instruções de diversas áreas de conhecimentos como: armamento e tiro de combate policial; gerenciamento de crises; planejamento operacional; operações em meio aquático e aéreo; operações veiculares; táticas para cumprimento de mandados de busca, apreensão e prisão em recintos; operações no plano vertical (rapel); explosivos; patrulhamento de alto risco; controle de distúrbios civis; operações em estabelecimentos prisionais, além de rusticidade e sobrevivência, em simulações de situações reais. “É uma gama de várias instruções que preparam o policial para atuar em qualquer lugar onde o crime tiver acontecendo, na parte de caatinga, na parte urbana, nas comunidades... Ou seja, em qualquer tipo de situação eles vão estar aptos a desempenhar a função”, explicou Pastor. 
Estiveram presentes na solenidade de abertura do curso o secretário adjunto da SSPDS, Alexandre Ávila; o delegado geral da PCCE, Everardo Lima da Silva; o secretário executivo da Aesp, Manuel Ozair Júnior; o Comandante Geral da Polícia Militar do Ceará, Coronel Ronaldo Mota Viana; o Delegado Geral Adjunto da PCCE, Marcus Vinicius Sabóia Rattacaso e o Superintendente da Polícia Rodoviária Federal do Ceará, Marcos Antônio Jesus Lima de Sena, entre outras autoridades do sistema de segurança pública. 



Fonte: SSPDS

TV Portal